Os Peludinhos do Abrigo Cão Viver

Faz um tempo que eu queria fazer uma postagem toda em preto e branco, mas não aparecia a oportunidade certa. Eu gosto muito das cores pra demonstrar amor, carinho, alegria …  aí acabava sempre adiando meu projeto P&B.

Até que comecei a editar as novas fotos dos peludinhos da Cão Viver. A dramaticidade do P&B é perfeita para demonstrar o olhar de tristeza e carência desses pequenos. Alguns dos filhotes foram abandonados na porta da ONG, órfãos,  desnutridos e cheios de parasitas. São tão fofinhos que foi difícil segurar a vontade de  trazê-los para casa. Meu consolo é que estão sendo muito bem cuidados por lá e torço para que, em breve, eles tenham famílias amorosas e uma vidinha digna, cheia de carinho!

Em julho eu coloquei aqui as fotos feitas na Cão Viver e felizmente muitos peludos foram adotados! Fiquei extremamente satisfeita com isso e agora fui lá novamente  fotografar os novos integrantes, todos com esperança de serem também adotados. São vários e de todos os tamanhos e idades!

Hoje a única foto colorida que coloco é da Lenda, uma cachorrinha cega, abandonada! Uma pequetita fofa, que gosta de colo e é super mansinha. Linda, linda, linda! A foto dela tinha que ser bem colorida para dar esperança! Já basta a falta de cor em sua vida! A história da Lenda você pode ler aqui:

Mais uma vez eu falo do lindo trabalho que todos os voluntários e colaboradores realizam na Cão Viver! Fiquei muito feliz ao saber que meu post incentivou várias pessoas a conhecerem a ONG. Quem não tem condições de adotar pode ajudar apadrinhando um peludo. Vale a pena!!!

Para mais informações: http://www.caoviver.com.br/

 

Os Peludinhos do Abrigo Cão Viver

Eu ganhei meu primeiro cachorrinho aos 12 anos, dado pelo meu pai (depois de muito trabalho para convencer minha mãe. rs). Era um filhotinho de cocker, lindo!!! Lembro das primeiras noites dele em nossa casa, chorando de madrugada, fazendo sujeira … Lembro também do tanto que meu pai era louco por ele e de algumas madrugadas ele me ajudando a consolar o novo membro da família. Dez anos depois, quando perdemos nosso amigo, lembro das lágrimas dele, sofrendo comigo pela perda. Meu pai amava os animais e herdei isso dele, fortemente!!!

E no mês passado eu perdi meu pai! Uma dor indescritível, um vazio e uma saudade sem explicação!!!

Meu trabalho ficou meio de lado nos últimos dois meses. A minha criatividade sumiu, tive que cancelar trabalhos, adiar sessões e ajustar minha vida entre BH e o Vale do Aço.

Mas a vida tem que seguir e quando recebi o convite de fazer as fotos dos peludinhos da Cão Viver, pensei que essa seria a melhor forma de honrar meu pai – ajudando os animais!!!

A Cão Viver é uma ONG sensacional que realiza um trabalho lindo! Foram tantos bichinhos que passei quase cinco horas fotografando e todos eles estão a procura de uma família que os abrigue em troca de muito amor. Vale a pena conhecer! Se não puder adotar, quem sabe você não quer ajudar?

http://www.caoviver.com.br/

Pai, obrigada por tudo!!! Esse trabalho é pra você! Eu e as peludas sentimos muito a sua falta! Te amo pra sempre!!!

 

 

E os contatos da Cão Viver, pra quem quiser visitar, ajudar ou adotar:

 

Fotografia de Pets – Puff (participação especial Ângela e Ana Carolina)

Visualiza uma bolinha de pelo fofíssima, branquinha e levada. Esse é o Puff – um senhorzinho de 12 anos e pique de 3 – muito amado e querido por seus humanos de estimação.

Eu fiquei com muita vontade de abraça-lo e levá-lo pra casa, tamanha fofurice!