Feliz 2016

Mensagem

E 2015 chega ao fim. Eu confesso que pela primeira vez eu simplesmente não queria que esse ano acabasse!

Meus últimos anos não foram nem um pouco fáceis e por algumas vezes eu me via no dia 31 de dezembro sonhando que o ano seguinte seria melhor (e não era!). Mas aí 2015 veio para me devolver a alegria de viver, para me mostrar que a gente não pode desistir, que temos que enfrentar as dores e as ausências queridas tentando sempre dar o nosso melhor. E sim, depois da tempestade vem a bonança, mesmo que as vezes essa tempestade pareça ser eterna …

Num ano de crises, que tenho visto tanta gente reclamando (alguns pelo simples hábito de sempre reclamar, outros porque realmente estão passando por momentos difíceis) eu tenho tanto a agradecer!!!

Agradeço porque pude realizar alguns sonhos, agradeço pela saúde da minha família (depois de alguns bons sustos), agradeço porque tive um pai maravilhoso e que está lá de cima guiando meu caminho, agradeço porque tenho pessoas queridas ao meu redor (mesmo morando longe), agradeço porque trabalho feliz e faço o que amo!

E nessa hora o profissional se mistura com o pessoal. Porque se tem uma coisa que me faz feliz é trabalhar com gente também feliz! É ver um casal ansioso, esperando um bebê! É fotografar os primeiros dias dessa nova vida ou uma família que simplesmente quer registrar aquele momento para eternizar a felicidade.

E agradeço de coração porque em tempos de crise eu continuei tendo clientes que valorizavam o meu trabalho, o meu cuidado, a minha atenção! Clientes que sabem que aqui não tem fotografia por atacado, que não tem produção em série, que não tem só uma “tiradora” de fotos. Aqui tem uma fotógrafa que se envolve, que ama o que faz, que responde cada e-mail pessoalmente, que faz questão de conhecer um pouquinho daquelas famílias, que se realiza vendo a felicidade dos outros, que tenta dar personalidade a cada ensaio e fazer esse momento ser sempre especial para quem participa! Aqui tem uma fotógrafa que ri sozinha na frente do computador enquanto trabalha com a edição, que se arrepia e fica com os olhos cheios de água, que se envolve, que  adora  receber  fotos  dos clientinhos  enviadas pelo  whatsapp por mamães corujas …

É muita reponsabilidade congelar o tempo e tentar mostrar as emoções e sentimentos envolvidos naquele único momento! Mas ao mesmo tempo é tão, mas tão gratificante!!!

E é assim que a vida vale a pena! Com emoções, com dedicação, com vitórias!

Que em 2016 a gente reclame menos e faça mais! Que saibamos aproveitar pequenos momentos de alegria ao invés de sempre colocar a responsabilidade pela nossa felicidade em pessoas ou coisas que não estão ao nosso alcance! Que a gente trate bem o nosso corpo, a nossa cabeça e as pessoas. Que o mundo tenha mais gentileza, mais alegria, mais amor e menos ódio! Que as pessoas tenham menos inveja, que percebam que nada vem de graça e as nossas colheitas são simplesmente frutos do que plantamos. Pode parecer clichê mas as vezes a felicidade está aqui ao nosso lado e cabe a nós – e somente a nós – percebermos!

Que 2016 seja recheado de muito amor, para eu poder continuar fazendo o que acredito que faço de melhor!

Desejo, de coração, um mundo melhor pra todos nós!

Sessão de Recém Nascido – Luca

Fotografia de recém nascidos está muito em alta atualmente. Eu acho lindo, mas confesso que tenho achado tudo meio igual.

Desde que comecei a fotografar profissionalmente meu objetivo sempre foi tentar ao máximo personalizar cada sessão. Cada família tem sua dinâmica, seus gostos, sua prioridade … E é sempre muito legal registrar essas diferenças. Por isso a fotografia de recém nascidos, em estúdio, com bastante produção, nunca me atraiu! Eu gosto de ir em casa, registrar o quartinho que os pais preparam com tanto carinho, mostrar aquela interação cheia de emoção dos primeiros dias, as dúvidas, os cuidados …

Acho mais gostoso essa fotografia natural, que mostra a realidade, que mostra o bebê com a pele descamando, com os olhinhos ainda meio amarelinhos. É muito gostoso e ao mesmo tempo muita responsabilidade entrar na casa das pessoas nesses primeiros dias. Mas não troco isso por nada!!!

Com o Luca foi assim … tinha amor,  insegurança,  um calor horrível no dia,  um cachorrinho fofo que queria brincar, uma mamãe sofrendo com a cesárea,  um quartinho lindamente preparado pra ele! E o resultado são fotos lindas, que ninguém vai ter iguais!

 

Luca-66

Luca-2

Luca-21

Luca-24

Luca-32

Luca-36

Luca-48

Luca-40

Luca-42

Luca-43

Luca-55

Luca-80

Luca-88

Luca-111

Luca-113

Luca-120

Luca-124

Luca-128